Cortejo e ato em homenagem à ciclista Mari Simone de Medeiros


Republicando @massacriticafloripa @guerrillabikecoletivo

A comunidade ciclista de Florianópolis e a família convidam todos ao ato em homenagem a Mari Simone de Medeiros, na próxima quarta feira, 13 de março de 2024. Saída às 19h do Parque da Luz. Saída às 19h40 do Pomar dos Ciclistas 20h: Ato unificado no local da morte de Mari. 50m após o elevado do Rio Tavares em direção á Lagoa da Conceição. #nãofoiacidente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Lagoa do Peri não é uma represa!
Onde está o estudo de impacto ambiental CASAN?

A Lagoa do Peri vem sendo usada pela CASAN como uma grande caixa d’ água para abastecer cerca de 100 mil pessoas na cidade. Acontece que a Lagoa do Peri é um ser vivo e pode tb morrer (ser contaminado, se exaurir, etc) se não houver a conservação adequada do seu ecossistema. Se isso ocorrer, mais de 100 mil pessoas ficarão sem água já que a CASAN não tem plano de contingência para o abastecimento de água em Florianópolis. Desde 2000 a CASAN tem Estação de Tratamento de Água na Lagoa e nunca pagou compensação ambiental pelo uso da água, dinheiro que seria investido na conservação da Lagoa. Tb desde o início nunca fez estudo dos impactos ambientais que a operação da empresa causa. Se fizesse poderia minimizar os impactos e evitar vários dos episódios de danos ambientais na Lagoa como a seca de 2019 (foto anexa), alteração da cor de 2023 (foto anexa), aumento do nível de água da Lagoa devido a colocação de barreiras físicas na barragem de captação em 2024 em andamento, entre vários outros problemas verificados ao longo desses 23 anos de operação da CASAN.
O protesto da comunidade da Lagoa do Peri é para que a placa de contenção seja gradualmente retirada para que a Lagoa do Peri volte ao nível normal. Também é pedir o estudo de impacto ambiental à CASAN pelo represamento da Lagoa que vem causando a queda de árvores devido a subida do nível da água entre outros impactos desconhecidos que podem oferecer riscos aos moradores, usuários da água de abastecimento e visitantes. Estudos esses que são exigidos pela resolução do CONAMA Conselho Nacional de Meio Ambiente 001 (conferir n). Não é possível aceitar que a Lagoa do Peri tão importante para a cidade seja tratada como uma mera caixa d’água, sendo represada sua água sem nenhum estudo. Mais que uma caixa d’água, a Lagoa é uma unidade de conservação com inúmeras funções ecossistêmicas.

CASAN @casansc onde está o estudo de impacto ambiental?

ASMOPE – Associação de Moradores da Lagoa do Peri FPDPS – Fórum Popular do Distrito do Pântano do Sul.

🔄 Repost @distritodopantanodosul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A @massacriticafloripa VOLTOUUUUUU! 🚴🏾‍♀️🚴‍♂️🚴‍♂️🚴🏾‍♀️

Na sexta, 23/02, tem Massa Crítica ou a antiga Bicicletada Floripa!!! A Bicicletada/Massa Crítica, é uma reunião de ciclistas que se unem para pedalar por Floripa e pedir mais segurança e mais respeito no trânsito! É um movimento que ocorre em diversas capitais do Brasil e do mundo!

Aqui em Floripa o ponto de encontro é a partir das 18h na Pista de Skate da Trindade!

*A Massa Crítica (Critical Mass) surgiu nos anos 1990 em San Francisco, Estados Unidos, como um movimento horizontal de ciclistas em busca de respeito no trânsito!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *